Seja bem-vindo ao Projeto Luan Santana, sua melhor fonte sobre o cantor brasileiro Luan Santana. Aqui você encontra notícias, fotos, vídeos, além do melhor conteúdo sobre o Luan. Esperamos que você goste e volte sempre!

Untitled Document
  • 09.01
    Acontece nos dias 12 e 13 de janeiro a edição 2018 do Verão Sertanejo Caldas Novas. O evento será realizado na Lagoa Termas Parque, em Caldas Novas (GO). Para comandar a animação, estão (...)
  • 08.01
    Luan Santana, Israel Novaes e a banda torpedo, estão entre as principais atrações da 102ª edição da tradicional Festa de Reis do Município de São Joaquim do Monte, no agreste de Pernambuco. O (...)
  • 08.01
    Teve início no último sábado (6), a edição 2018 do Tamandaré Fest no litoral sul de Pernambuco. O cantor sertanejo Luan Santana é uma das atrações confirmadas. O show será no dia 13 de (...)
  • 30.12
    Apesar dos 26 anos de idade, Luan Santana já sonha em ser pai e constituir uma família. O cantor namora a estudante de moda Jade Magalhães há 6 anos e pretende, sim, se casar com ela. "Seria (...)
  • 26.12
    Faz exatamente 10 anos que o cantor Luan Santana resolveu levar a música como profissão. Seu primeiro show aconteceu em agosto de 2007, na cidade de Bela Vista/MS. Ali começava a carreira de um (...)
  • Assista agora o vídeo em destaque acima!

    Para festejar dez anos de estrada, a dupla Fernando & Sorocaba resolveu colocar tudo no papel. Próximo dia 14, os parceiros lançam em São Paulo a biografia “Ainda existem caubóis”. Em conversa com o Extra sobre o projeto, Sorocaba brincou com o fato de ser um legítimo sertanejo universitário: ele é formado em Agronomia. “Estudei em uma das melhores faculdades do Paraná, mas a música começou a dar uma graninha e acabei não exercendo a profissão”.

    FAZEDOR DE HITS

    A mudança de rota não deu espaço para arrependimento. Em 2015, por exemplo, arrecadou mais direitos autorais que o Rei Roberto Carlos. Compositor de hits como “Meteoro” e “Você não sabe o que é amor”, também foi Sorocaba quem impulsionou a carreira de Luan Santana.

    “Ele foi um divisor. Vai demorar muito para aparecer outro Luan”. Para Sorocaba, o cantor reenergizou o mercado, trazendo um novo público para o sertanejo e abrindo caminho para que outros artistas não precisassem formar dupla para mostrar o trabalho.

    Por: Jornal Extra

    Em 2017, Luan Santana está completando 10 anos de uma bem sucedida carreira. O menino que nasceu em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, e ficou conhecido como Gurizinho, cresceu, apareceu e ganhou o Brasil com dezenas de hits como “Acordando o Prédio”, “Meteoro”, “Escreve Aí”, “Te Vivo”, entre muitos outros. Hoje, aos 26 anos, ele quer mais. Ele quer que sua música e seu rosto tornem-se conhecidos internacionalmente.

    Durante uma entrevista a para a revista QUEM, o cantor falou pela primeira vez sobre seu projeto de carreira no exterior, disse que pretende atingir o mercado latino com canções mais calientes e explicou que não deve se mudar do Brasil para conseguir dar certo internacionalmente. Ele ainda adiantou que vai gravar uma música, em português e espanhol, com a boy band CNCO.

    Você acaba de estrelar um clipe da Shell, O Make The Future, que será exibido mundialmente. Inclusive, neste novo trabalho, você é o único brasileiro a cantar com Jennifer Hudson, Steve Aoki, Pixie Lott e Yemi Alade. Este projeto já faz parte do plano de carreira internacional?
    Com certeza está nos meus planos iniciar uma carreira internacional, traçar esse caminho. Mas são duas coisas diferentes. Claro que com esse clipe, meu nome vai ser visto em vários países, mas acho que a carreira internacional é um passo muito importante a ser dado e tem que começar por onde deve ser. Mais pra frente uma coisa vai conversar com a outra, se Deus quiser, minha carreira (internacional) vai chegar no mesmo nível (deste clipe mundial), mas é uma coisa que vou começar num futuro próximo a pensar. Vou pegar um produtor lá de fora, compositores, me juntar com os caras pra fazer música. Vou começar bem do zero, começar de novo em países que não conhecem meu trabalho ainda. Mas será uma aventura bem legal.

    Quer seguir os passos de Anitta?
    A Anitta está arrebentando. O que eu fiz foi um pouco de propósito. Estou com 10 anos de carreira, 8 anos de sucesso. Acho que você atinge um nível, uma estabilidade e uma segurança que te permitem alçar novos voos. É necessário ter se estabilizado no seu país de origem para tentar novos horizontes. É uma coisa que sempre achei e ainda acho.

    Vai cantar em espanhol ou inglês?
    Acho que o espanhol está mais próximo, apesar de dominar mais o inglês. Eu acho que o mercado em espanhol, além de estar em alta, está mais próximo da gente, é mais parecido com a gente, a gente tem esse sangue latino. Acho que a gente consegue conversar mais com ele. Vou começar a fazer aulas de espanhol para isso. O inglês eu também precisava, mas vou dar prioridade para o espanhol agora.

    Já começou a compor?
    Ainda não comecei a compor, não sei nem falar direito (risos). Eu já gravei músicas minhas em espanhol mas nunca soltei. A “Te Esperando”, por exemplo, fiz uma versão em 2011, gravei em estúdio e está guardada. Mas o mercado não quer ouvir o tipo de música de “Te Esperando” agora. Eu acho que tem que ter um balanço, uma coisa mais caliente. Tipo “Check In”, a minha nova música que lançei na sexta-feira (8). Mas já estou com alguns nomes de produtores e compositores. A gente tem uma parceria com um grupo chamado CNCO, eles já ganharam Grammy, estão no topo das paradas latinas. É uma boy band que tem um público muito parecido com o meu aqui no Brasil. Vamos gravar uma música juntos, vou fazer a versão em português e num segundo momento, vamos fazer em espanhol para ser trabalhada lá fora. Vou pra Miami no ano que vem para gravá-la.

    Pretende tentar a carreira internacional morando no Brasil, assim como faz Anitta, ou pensa em se mudar lá pra fora, como a Claudia Leitte que agora vive em Los Angeles?
    Não, eu acho que tudo no seu tempo, acho que a Anitta está certa, tem que pontuar lá, estar lá quando precisar, participar das festas, se tornar influente… acho que ela está fazendo certinho. Mas cada caminho é um caminho. Acho que vou pontuar lá primeiro e continuar morando aqui. Vou ter esse problema de viajar pra lá e pra cá, mas é o único jeito. Vou ter que remanejar algumas coisas, mas não sei se consigo viver longe do Brasil, não. É bom ir pra lá pra passear. Morar fora é foda.

    Por: QUEM, Editado e revisado por Projeto Santana

    Desde o início da carreira, Luan Santana brilha forte como o meteoro que batiza seu primeiro grande sucesso, de 2009.

    Oito anos depois, continua emplacando hits e surpreende quem o via apenas como um representante do sertanejo universitário. Foi com a batida latina que liderou o ranking das músicas mais tocadas no rádio em 2017, com “Acordando o Prédio”. No ‘Conversa com Bial’ desta quinta-feira, dia 7, o cantor fala sobre a trajetória de sucesso e nega rótulos:

    “Minha essência é e sempre será a do campo. Mas é muito gostoso ouvir todos os tipos de música e trazer um pouco de cada uma para o meu estilo. É uma soma. Quando as pessoas me perguntam o que eu canto, respondo que canto o amor. E ponto final”.

    O gosto pelos ritmos latinos surgiu do contato com músicas paraguaias. “Fazia muitos shows no Mato Grosso do Sul, em cidades da divisa com o Paraguai. Essa batida envolvente da música latina ficou gravada no meu subconsciente”, conta Luan, nascido em Campo Grande, capital sul-mato-grossense. Depois de gravar clipes em Cuba e na Colômbia, o cantor revela que quer aproveitar a globalização e a facilidade propiciada pela internet para conquistar o mercado latino.

    “Antigamente, para fazer carreira internacional, você tinha que se dedicar a isso e esquecer o seu país. Hoje, não é preciso abandonar uma coisa para fazer a outra”, analisa.

    No programa, além de cantar sucessos do início da carreira, como “Sinais” e “Você Não Sabe O Que É Amor”, Luan lança “Check-In” e agradece o carinho da plateia: “É muito emocionante imaginar que faço parte da vida de tantas pessoas”, diz o cantor, que tem milhares de fã-clubes pelo país.

    Exibido após o ‘Jornal da Globo’, ‘Conversa com Bial’ tem direção artística de Monica Almeida e direção de conteúdo de Ingo Ostrovsky.

    Por: Visto Livre

    Luan Santana está com tudo! Prova disso é que o cantor abriu a carteira e desembolsou cerca de R$ 3 milhões em um novo jatinho particular.

    Segundo o jornal “Agora São Paulo”, o sertanejo decidiu abandonar o avião antigo e investir em um novo, pois o anterior fazia muito barulho.

    O músico até já estreou a nova aeronave. “Ontem foi meu primeiro voo no avião novo. Eu vendi o antigo e agora estou com um mais novo, mais moderno e rápido. É um CJ3. Ele é mais silencioso. Agora dá para tocar violão melhor dentro dele”, contou à “Quem”.

    E finalizou: “No meu avião, eu componho, às vezes. Eu gosto muito de compor quando estou no voo”.

    Segundo o jornalista do site “O globo” Ancelmo Gois, Luan Santana, o cantor, está de malas prontas para Miami. O artista vai gravar com a banda de pop latino CNCO. Serão duas músicas: uma em português, para o mercado brasileiro, e outra em espanhol, para América Latina e EUA, onde o grupo faz sucesso entre os jovens hispânicos.

    A equipe do cantor Luan Santana ainda não se manifestou sobre a possível parceria.

    Por: O Globo